Wednesday, July 2, 2008

Epifania

Hoje tive uma epifania em pleno duche, ou seja, fui visitada pelo anjo da lucidez e só gostava que este ser me viesse ver mais vezes. Porquê?

Percebi que gosto da ideia de ti. De saber-te aí, pronto para dares-me música chinesa e olhares-me com distanciamento. Ando com a cabeça na lua por ti mas nem sequer me causas borboletas no estômago ou tiras-me o apetite. Sonho contigo e juro não saber porquê. Não traço planos a longo prazo, mas gostava de levar-te comigo ao paraíso. Onde cheira a terra molhada e o verde se estende para lá do meu corpo.

Gosto de ti porque sim. Pelo triste hábito de gostar sem os pés no chão e de acreditar, sim de acreditar que amo, quando na realidade nem sei bem como o fazer...

5 comments:

Fevereiro said...

Sabes acho que uma boa resposta para isto está também no facto que as mulheres estão apaixonadas pela idea de estarem apaixonadas. É um defeito que temos.
Abraço.
PS. Deixei-te um comentário no meu blog, ao teu.

Fevereiro said...

corecção: ideia
(!)

L.S. Alves said...

Sei não acho que tu caistes num daqueles momentos em que a primeira tábua que aparece já vira tábua de salvação.
Mesmo assim fica o convite. Vem pro Brasil que estamos te esperando.
Beijos.

Voo nocturno said...
This comment has been removed by the author.
L.S. Alves said...

Tabua de salvação é quando a pessoa está perdida no mar e se agara a primeira coisa que aparece boiando na esperança de que aquilo possa salvar-lhe a vida.